'Não enviado'

Por entre palavras, lê-mos olhares.
Estendemos horizontes
Mas nunca os alcançamos.
E sabemos que tudo se baseará apenas em tal:
Olhares.

Talvez não seja essa a nossa vontade.
Sim, talvez...
Pois estranho-te,
Mas quero-te não só do meu lado,
Como também a meu lado.


Por Pedro Cerqueira » Sexta Fev 26 2010 18:38

Sem comentários:

Enviar um comentário